Dos deputados mais votados em São João dos Patos apenas Marcio Jerry votou contra a reforma da previdência
11/07/2019 15:13 em Locais

Depois de oito horas de debates, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou, em primeiro turno, o texto principal da reforma da Previdência. A proposta teve 379 votos a favor e 131 votos contra.

Agora, os parlamentares começam a votar os 20 destaques apresentados pelas bancadas. Mais cedo, os deputados tinham concordado em derrubar as emendas individuais e manter apenas as de bancada.

Os destaques mais aguardados são o que aumenta a aposentadoria para as trabalhadoras da iniciativa privada e o que suaviza as regras de aposentadorias para policiais e agentes de segurança que servem à União.

A reforma da Previdência precisava de 308 votos, o equivalente a três quintos dos deputados, para ser aprovada. Se aprovado em segundo turno, o texto segue para análise do Senado, onde também deve ser apreciado em dois turnos e depende da aprovação de, pelo menos, 49 senadores.

O debate do texto principal foi aberto por volta das 17h, quando a Câmara rejeitou o último requerimento de retirada de pauta da reforma da Previdência. Nas últimas horas, os líderes dos partidos estavam encaminhando as orientações para as bancadas.

Três dos quatro deputados federais mais votados em São João dos Patos nas últimas eleições votaram a favor da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) da reforma da Previdência; apenas um votou contra.

A favor

Edilázio Júnior (PSD) – contou com o apoio dos vereadores Magrão e Fernandinho Soares

Gastão Vieira (PROS) – contou com o apoio da vereadora Thuany Costa, Dr. Alexandre, e do PC do B (Hélio Pereira e Jackson) e Tangará (vereadora Rayanna Noleto e Raimundo Noleto)

Pedro Lucas Fernandes (PTB) – teve apoio do Paulo do Zeca

Contra

Márcio Jerry (PCdoB) – teve o apoio do grupo do ex-prefeito Zé Mario

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!