Câmara aprova Moção de Congratulações e Aplausos pelo Dia Internacional da Mulher
05/03/2018 21:44 em Locais

De autoria da vereadora Bidu Santana, por unanimidade, a Câmara aprovou na sessão desta segunda-feira, 05, “MOÇÃO DE CONGRADULAÇÕES E APLAUSOS PELO DIA INTERNACIONAL DA MULHER”, data esta que celebra a importância da mulher, suas lutas e desafios.

 

Bidu ressaltou a determinação da mulher patoense e lembrou Dona Noca e a atual prefeita Gilvana.“Destaco aqui a figura da mulher patoense como guerreira, determinada, brava, valente, destemida. Porém sem perder a sua essência de mulher. Nessa data tão especial para todas nós, faço referência a senhora Joana da Rocha Santos, Dona Noca, que foi a primeira prefeita do município de São João dos Patos como também do Brasil. E a senhora Gilvana Evangelista de Sousa atual prefeita do nosso município”.

 

Abaixo o documento na íntegra:

 

MOÇÃO DE CONGRATULAÇÕES E APLAUSOS Nº 37/2018 de 01 de março de 2018.

 

“MOÇÃO DE CONGRADULAÇÕES E APLAUSOS PELO DIA INTERNACIONAL DA MULHER, DATA ESTA QUE CELEBRA A IMPORTÂNCIA DA MULHER: DE SUAS LUTAS, CONQUISTAS E DESAFIOS.

 A veradora que a esta subscreve vem, na forma regimental, inserir na Ata dos trabalhos desta Casa Legislativa, uma MOÇÃO DE CONGRATULAÇÕES E APLAUSOS ao DIA INTERNACIONAL DA MULHER, comemorado no dia 08 março.

Após alguns fatos históricos que destacaram a nível mundial a luta do sexo feminino, a data 08 de março ficou marcada como o dia INTERNACIONAL DA MULHER.

Dentre eles podemos destacar a morte de 129 mulheres, no ano de 1857, em Nova York- Estados Unidos. Ressalta-se que essas mulheres morreram queimadas numa ação da policia para conter uma manifestação em uma fabrica de tecidos. Na ocasião elas manifestavam pelo direito a licença- maternidade, a diminuição da jornada de trabalho, a equiparação salarial com o sexo masculino, como também manifestavam por um tratamento digno dentro do ambiente de trabalho.

            Muitas lutas foram realizadas, ate chegar 1975, ano em que a Organização das Nações Unidas - ONU oficializou o dia 8 de março o "Dia Internacional da Mulher", para lembrar as conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres. 

            O grande objetivo da celebração do Dia Internacional da Mulher, é diminuir as barreiras, que apesar das conquistas que a mulher vem empreendendo ainda persistem e devem ser vencidas principalmente em relação ao preconceito e a desvalorização da mulher que ainda nos dias de hoje sofre com baixos salários, violências e desvantagens na carreira profissional.

Vejamos o dia 8 de março como uma data de reafirmação das lutas históricas, dia de comemoração, das nossas conquistas e especialmente os avanços que possibilitam antever dias de mais igualdade e mais respeito com a condição feminina, não podemos esquecer e nem aceitar que em pleno século XXI exista casos de mulheres que ainda sofram discriminação das mais variadas formas desde os baixos salários, a jornada excessiva de trabalho, desvantagens na carreira profissional, alem de preconceitos de outras ordens.

Destaco como um dos tipos de discriminação contra a mulher a violência domestica, em que as mulheres de todas as classes sociais, etnias e religião são violentadas pelos seus companheiros das mais variadas formas. Sendo tratadas como subalternas, como seres inferiores e como “propriedade masculina”. Muito ainda deve ser feito para que possamos alcançar a igualdade e respeito que tanto buscamos.Essa luta não cabe somente as mulheres, cabe ao poder público, como também o setor privado e a sociedade civil organizada.

Grande foram nossos avanços, basta lembrar as nossas avós e mães, em que suas funções eram cuidar da casa e da criação dos filhos. Atualmente nos mulheres estamos em todos os lugares, cargos e funções. A mulher criou asas, hoje somos empresarias presidente da república, ministras de Estado, governadoras, deputadas, prefeitas, vereadoras, juízas, promotoras, professoras, medicas, enfermeiras. Somos o que quisermos ser.

Destaco aqui a figura da mulher patoense como guerreira, determinada, brava, valente, destemida. Porem sem perder a sua essência de mulher.

Nessa data tão especial para todas nós, faço referência a senhora Joana da Rocha Santos, Dona Noca, que foi a primeira prefeita do município de São João dos Patos como também do Brasil. E asenhora Gilvana Evangelista de Sousa atual prefeita do nosso município.

Termino minha moção parafraseando uma poesia da escritora N. Silva intitulada Ser Mulher: “Ser mulher é uma dádiva. É muito mais do que a possibilidade de gerar vidas, é o comprometimento com a própria vida. Ser mulher é vivenciar cada momento como o único, é se doar em amor e compreensão. É está aberta para o inevitável e o desconhecido com coragem e serenidade. É se dividir em mil, e ser inteira em cada parte. É alcançar o pensamento do outro que sofre, e lançar, com sensibilidade a vibração necessária do alivio e esperança. É se descobrir plena e intensa, realizando seus sonhos, sem perder a conexão com a divindade”.

Desta forma, através dessa MOÇÃO DE CONGRADULAÇÕES E APLAUSOS, parabenizo as mulheres em todos os recantos do mundo, a mulher brasileira, a mulher maranhense e em especial a mulher patoense.

Plenário Vicente de Paula Ribeiro Barros, na Câmara Municipal de São João dos Patos, Estado do Maranhão, ao 01(primeiro) dias do mês de março de 2018.

 

 

Venúsia Evangelista de Santana Carvalho

Vereadora

 

 

 

 

 

 

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!