Governo faz lançamento do programa “Mais Sementes” no Sertão
08/12/2016 17:26 em Locais

Como forma de garantir apoio aos produtores da região, o Governo do Maranhão, através da Agerp/SAF e Aged/Sagrima lançaram, nesta quinta-feira, 08 de dezembro, em São João dos Patos, o programa “Mais Sementes”. Serão distribuídos 71 toneladas de sementes de milho e 15 de arroz, entre os agricultores familiares das 16 cidades do Médio Sertão, além de ofertar assistência técnica.

No lançamento do programa, a uma plateia que incluiu, além do gestores da Agerp, Edinaldo Quirino, e Aged. Valdívia Dias, secretários municipais de agricultura, presidentes de sindicatos rurais, lideranças políticas, gerente de banco, agricultores e técnicos da Agerp.

O vice-presidente da FETAEMA, Antônio do Sindicato, que também é vereador em Colinas, elogiou o evento e enfatizou a importância da entregar da semente na época certa: “Em outros momentos a semente chegou muito atrasada, não é o que acontece este ano, com isso teremos a possibilidade de termos uma grande produção”, enfatizou.

A distribuição das sementes será realizada pela Agerp com apoio de seus parceiros nos municípios: secretarias municipais de agricultura e sindicatos.

“Momento importante este, mas o mais importante é que o agricultor plante esta sementes e receba assistência técnica, que a gente possa no final da safra contabilizar o que gerou de produção. Nossos técnicos vão acompanhar durante toda a safra para que no final tenhamos bons para comemoramos. Gostaríamos também de contar com os técnicos das secretárias municipais e dos sindicatos” disse o gestor da Agerp Ednaldo Quirino.

O gerente do Banco do Nordeste, Francisco Borges, também presente, ressaltou a importância do evento e afirmou que o banco tem recursos para fomentar a agricultura familiar.

“Essa distribuição de semente e muito importante para a agricultura familiar, nós temos microcrédito, que é o Agroamigo de R$ 4.000,00, para aqueles que estão começando, com isso fomentamos o desenvolvimento com esse pessoal, que começa com esses valores pequenos, mas vai possibilitar ele crescer. Nós temos recurso para esses produtores” afirmou Francisco Borges.

Satisfeito com a notícia do investimento na produção, Francisco Ribeiro, conhecido como Chico Marica, presidente do assentamento Sucuruju, que tem como modo de sobrevivência a agricultura familiar, acredita que com a semente de boa qualidade e o assistência técnica a produção só tem a crescer. “A gente sempre contou com o apoio da Agerp, principalmente do Quirino. Estamos muito felizes de estar aqui”, declarou o produtor.

Foi realizado teste de germinação da semente do arroz em dois lotes, no 103 e no 107, um teve a germinação de 92% e o outro de 84% respectivamente

“A semente do milho e da variedade cruzeta, própria para agricultura familiar, e a semente do arroz e a sertaneja, muito boa e já conhecida na região, com isso os nossos agricultores estão de parabéns” disse o Agrônomo da Agerp Ivo Marquis Bezerra.

 

COMENTÁRIOS