Presos suspeitos de envolvimento em explosão a banco de São Luís Gonzaga
12/09/2018 05:33 em Estaduais

Sete pessoas foram presas nessa última segunda-feira (10) por suposto envolvimento na explosão ao Banco do Brasil da cidade de São Luís Gonzaga, a 209 quilômetros da capital maranhense. O crime aconteceu no último dia 06 de setembro, véspera de feriado.

 

(Foto: Divulgação)

 

Valdivino Vieira e Aline Moreira Lima foram os primeiros a serem identificados. Também foram autuados em flagrante por associação criminosa armada, Marbyo Alves da Costa, Jacinto de Souza Silva, Bruno Milhomens, Joaquim Henrique Silva Neto e Itamar de Souza Salles, o Pernambuco. Itamar já tinha mandado de prisão em aberto.

 

Com eles foram apreendidos quatro veículos: um Fiat/Strada, um Toyota/Corolla, um Jeep/Renegade e um Fiat/Palio, todos usados no ataque ao banco e fuga dos criminosos.

 

 

Veículos apreendidos com a quadrilha. (Foto: Divulgação)

 

Quase todos os presos tinham passagem pela polícia por delitos como roubo, furto, porte de arma e receptação.

 

Já em um dos locais apontados como refúgio do bando foi apreendida uma espingarda calibre 20, munições calibre 20 e 38 e, no interior de um dos automóveis, foram encontradas munições calibre 380.

 

(Foto: Divulgação)

 

As equipes policiais continuam fazendo diligências com o objetivo de prender os demais envolvidos no crime em questão e apreender o armamento.

 

A operação foi deflagrada pela Polícia Civil do Maranhão, através da Departamento de Combate ao Roubo de Instituições Financeiras da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (DCRIF/SEIC), contando com o apoio das Delegacias Regionais de Presidente Dutra, Bacabal e Barra do Corda, e GRECO/PCPI e DIAE.

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!